Seguidores

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

De estações e de Amor


Do inverno à primavera
meu amor brotou verão;
e o outono me espera
pra rever nova estação...

Vou então compondo a rima
pra tingir meu bem querer;
e trovar minha menina
sina desse meu prazer...

Que o outono que me veio
foi bater no meu inverno
e nos jardins da primavera
fiz verão de amor eterno...

Marçal Filho
Itabira MG.

3 comentários:

  1. Para mim é motivo de orgulho ser sua amiga!
    Ah se tivéssimos mais pessoas quem nem voce,neste
    mundo de incertezas e durezas;com certeza, com seu olhar, que descreve momentos líricos da natureza!O mundo saberia amar e respeitar e festejar, o que Deus nos deu...Parabéns Marçal,conquistaste hoje uma nova fã.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Belo...belo..belo..
    Poema liricos, de belos versos e uma plástica intensa.
    Adorei vir aqui te visitar
    B eijosss

    ResponderExcluir